CHAMPCAR/CART: Rio GP Race Report (Portuguese)

MONTOYA DÁ SHOW E VENCE 3ª CONSECUTIVA Marc Zimmermann - motorsport.com - Motorsport News International A chuva insistente e um colombiano arrojado fizeram com que as pessoas presentes ao Autódromo Internacional Nelson Piquet neste sábado,...

MONTOYA DÁ SHOW E VENCE 3ª CONSECUTIVA Marc Zimmermann - motorsport.com - Motorsport News International

A chuva insistente e um colombiano arrojado fizeram com que as pessoas presentes ao Autódromo Internacional Nelson Piquet neste sábado, dia 15 de maio, vivessem vários momentos de apreensão. Até que fosse dada a largada da Fórmula Mundial, a partir da estação orbital russa MIR, às 14h23, a realização da Rio 200 esteve por várias vezes ameaçada. Uma garoa chata caiu no circuito oval Emerson Fittipaldi por várias vezes durante a manhã, fazendo até com que fosse cancelado o warm up da Fórmula Espron, uma das categorias que fizeram parte da programação do evento. Emerson Fittipaldi, o promotor da prova, ficou bastante apreensivo, achando que a corrida teria que ser adiada para o domingo. Quando o tempo melhorou e a frase “Gentlemen, start your engines” foi ouvida nos auto-falantes, Émerson chegou a ficar emocionado.

Na corrida, o pole position Christian Fittipaldi perdeu a ponta logo na primeira volta para o colombiano Juan Pablo Montoya, que havia largado em terceiro lugar. Durante toda a prova, as primeiras posições foram sendo revezadas entre eles e o escocês Dario Franchitti. Dario já havia tido uma boa performance no Rio de Janeiro no ano passado, quando largou na pole. Durante a corrida, quatro bandeiras amarelas foram acenadas no circuito, durante 29 voltas, e os brasileiros Mauricio Gugelmin, Cristiano da Matta e Helio Castro Neves não terminaram.

Depois das 108 voltas, 18 dos 27 carros terminaram a corrida. Montoya, a maior revelação da temporada, venceu sua terceira prova consecutiva, com o tempo de 1h36min32s233. Ele disparou na liderança, com 66 pontos. Dario Franchitti ficou em segundo lugar na corrida, a 1s736 de diferença e ypassou a segundo também na temporada, com 51 pontos, depois de cinco etapas realizadas. Com a terceira colocação no GP TELEMAR RIO 200 de Fórmula Mundial, Christian subiu para o terceiro lugar também no campeonato, com 49 pontos. Christian foi bastante aplaudido no pódio, mas confessou na entrevista coletiva que estava um pouco triste. “Já bati na trave várias vezes, e ainda não consegui subir no ponto mais alto do pódio. Achei que hoje poderia ter sido o meu grande dia, mas esses dois rivais também estavam muito rápidos”, disse, sobre Montoya e Franchitti.

No final do dia, depois da vitória triunfal do colombiano Juan Pablo Montoya na Fórmula Mundial, a Fórmula Espron foi realizada mesmo sem warm-up. E teve o paulista Adson Moura como vencedor entre os 22 participantes, com o tempo de 30min54s581. O segundo colocado foi José Alexandre Rodrigues e o terceiro, Ruyter Pacheco. O promotor Emerson Fittipaldi ficou satisfeito com sua primeira experiência como promotor de corridas. E deu o seguinte comunicado à imprensa. “Estou muito satisfeito pela realização da prova, apesar de ter tido muito trabalho e saber que há muita coisa para melhorar para o próximo GP do Rio. As parcerias que fiz foram muito importantes – com a Telemar, a Souza Cruz, a Texaco, a TAM, a prefeitura e todas as outras que não dá para dizer agora. Preciso falar também que a equipe de trabalho teve uma participação decisiva na realização da corrida. E que foi gratificante ver o início da nova era do automobilismo no Brasil, com um público tão animado. Se contarmos as pessoas de dentro do padock, tínhamos 45 000 pessoas no autódromo. A festa foi ainda maior com a pole do Christian (Fittipaldi) e com seu terceiro lugar no pódio. Tenho certeza que ele fará um ótimo campeonato. Agora, tenho só um dia de descanso: amanhã. A partir de segunda-feira, estaremos trabalhando pela edição do ano 2000. Tentaremos fazer, com uma prova noturna da Fórmula Mundial, um espetáculo ainda maior.”

Write a comment
Show comments
About this article
Series IndyCar
Drivers Juan Pablo Montoya