GP Brazil dos sonhos dos brasileiros

Barrichello, Bernoldi e Massa ficam no meio do dolo no primeiro SÃO PAULO - Não foi o início dos sonhos dos brasileiros. Na abertura dos treinos livres do 31º Grande Prêmio do Brasil, Rubens Barrichello, da Ferrari, ficou apenas na ...

Barrichello, Bernoldi e Massa ficam no meio do dolo no primeiro

SÃO PAULO - Não foi o início dos sonhos dos brasileiros. Na abertura dos treinos livres do 31º Grande Prêmio do Brasil, Rubens Barrichello, da Ferrari, ficou apenas na 7ª colocação, enquanto Henrique Bernoldi, da Arrows, e Felipe Massa, da Sauber, classificaram-se respectivamente em 12º e 17º lugares. Embora os resultados da sexta-feira não costumem ser levados muito a sério pelas equipes, o começo do trio verde-amarelo deixou um gostinho de decepção. David Coulthard, da McLaren, foi o mais rápido do dia com o tempo de 1min15s075.

Os três procuraram deixar uma mensagem de otimismo para os ensaios classificatórios de sábado. Barrichello lamentou o tempo perdido pela manhã, quando um pneu furado logo na primeira volta provocaria a rodada que o manteve ao lado da pista pelo restante da sessão. "À tarde, tivemos de correr para descontar o prejuízo. Sobrou muito para fazer amanhã em termos de acerto nesta pista ondulada e para chegarmos a uma conclusão sobre os pneus que usaremos na classificação e na corrida", comentou.

Bernoldi fez um aceitável 12º lugar, apenas uma posição e quatro milésimos de segundo atrás do companheiro Heinz-Harald Frentzen. A Arrows recebeu os resultados com naturalidade e espera um sábado ainda melhor. "O carro está bom. Fizemos o rotineiro trabalho de avaliação dos pneus da sexta-feira e na escolha das regulagens para a corrida. Evoluímos ao longo da sessão, mas ainda temos o que tirar do carro", avisou o piloto paranaense.

Dos três, Massa foi o que chegou a deixar a impressão de que poderia surpreender. Quinto até à metade dos ensaios, saiu de Interlagos com o consolo de ter sido o único brasileiro a superar o companheiro de equipe. Os dois, no entanto, ficaram bem abaixo da média da Sauber nas primeiras etapas do ano, na Austrália e na Malásia. "Como começo de preparação para a corrida, foi bom. A pista não estava tão suja como imaginávamos, embora todos reclamassem da falta de tração e aderência. Amanhã, com o acerto de classificação, seremos bem mais rápidos", prometeu.

-GPB-

Be part of something big

Write a comment
Show comments
About this article
Series Formula 1
Drivers Heinz-Harald Frentzen , Rubens Barrichello , David Coulthard , Felipe Massa
Teams Ferrari , Sauber , McLaren